terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Leia os jornais, não os assista!


Já repararam o que está passando em todos os canais na hora dos jornais?


Não? Então vou lhe falar: está passando a guerra na faixa de gaza, o templo que desabou, a menina que foi encontrada morta no mato e etc.

Tragédias acontecem todos os dias, e você sabe de todas, pois a TV te enfia goela abaixo tudo isso.



Mas agora outra pergunta. Você já LEU algum jornal hoje? Pode ser jornal da banca, jornal on-line ou até mesmo o informativo que distribuem nos metrôs.


Que diferença, né? Você pode ler só o que interessa, pular as páginas policiais e ir direto as esportivas, de tecnologia ou a seção de humor!


Qual a razão de eu estar falando isso?

Ontem, 19 de janeiro de 2009, começou o maior evento de tecnologia dedicado aos universitários do mundo. E no segundo ano já aqui no Brasil. O CAMPUS PARTY!


Tanta tecnologia, tantos estudantes, tanto conhecimento, tantos curiosos quanto podem caber dentro daqueles salões enormes. Uma conexão de internet a 10GB/s, recorde no Brasil, sustentam quatro mil PCs conectados a rede mundial em um só lugar. Palestras sobre todos os assuntos que envolvem computadores e tecnologias.


E em quantos canais de televisão você viu isso?


Quando puder, dê uma passada no site do Campus Party Brasil!

3 comentários:

  1. Bem, Felipe, eu cheguei a ouvir na TV sobre esse evento sim. Na realidade, não vejo muita diferença entre jornais lidos ou assistidos. De qualquer maneira, temos ali apenas um recorte de quem está divulgando as notícias. Ambos simplesmente se completam, nenhum dos dois é perfeito e um não é melhor do que o outro. Se o jornal de papel, por exemplo, pode ser consultado a qualquer momento, guardado e acessado na seção de maior interesse, o telejornal oferece o som e a imagem que complementam a notícia. Às vezes, ler não é tão rico quanto ver a expressão facial dos protagonistas ou escutar a inflexão que deram a determinada frase. A imaginação é boa para a ficção, mas no mundo das notícias é excelente que haja essa completude. Embora no mundo ficcional também seja. É ruim excluir coisas apenas por excluí-las. Se fizerem mal a alguém, muito bem: excluamos sem dó. Mas se não fazem, e são somente questão de preferência, que tal um segundo pensamento antes de condenar?

    Beijos! Sucesso!

    ResponderExcluir
  2. ja? tao pouco sabem os D´zrt vao a Santiago do Cacem dia 30 de Maio podem por isso nos jornais e revistas.Fassam-me esse favor.

    ResponderExcluir
  3. burros eu ainda sou mais espart ox ox ox ox ox ox ox ox ox
    ox boi boi boi boi boi boi boi boi boi boi.
    xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
    amt felipe mt nao te vou esquecer amote muito amor

    ResponderExcluir

Escreva as besteiras que quiser: Elas vão ficar aí pra todo mundo ver que foi você quem falou. Não apago comentários.
Comente com inteligência, pois seu comentário passa a imagem de seu blog. Ou não.
Não entendo miguxês nem clico em spams - por isso evite usá-los aqui.

Clique no botão [Publicar] para expressar sua humilde opinião sobre minha brilhante postagem.

 

A Bolsa Mágica de Felix Creative Commons © 2009 Black Nero is Designed by Ipietoon Sponsored by Online Business Journal